5 dicas simples para ficar longe de lesões

A photo by freestocks.org. unsplash.com/photos/nss2eRzQwgw

Sofrer uma lesão é um pesadelo para qualquer atleta. Afinal, poder quebrar o ritmo dos treinos ou até o tirar deles. Por isso, neste post você confere dicas simples para evitar lesões – publicadas recentemente na Runner’s World.

 

Cuidado com o uso de chinelos por muitas horas seguidas

Chinelo
Calma! Não estamos falando para aposentar o seu chinelo. Afinal, tem coisa mais confortável?  Mas se você está propenso a ter fascite plantar ou tendinite de aquiles, evite passar muitas horas seguinda usando chinelos. Essa é a recomendação do médico especialista em podologia esportista, Stephen Pribut, na matéria da Runner’s World.

Segundo o médico, os chinelos não dão o apoio necessário para os arcos dos pés e nem amortecimento. Além disso, ter de apertar os dedos entre as tiras para manter o chinelo firme enquanto anda pode causar a tendinite de aquiles.

A dica é procurar por sandálias que ofereçam mais firmeza aos arcos dos pés e com tiras no calcanhar para quando fizer passeios mais longos.

 

Atente-se ao uso de medicamentos

remedios

Ler bula de remédio é chato, mas não deixe de conferir e entender os possíveis efeitos colaterais..

Nos Estados Unidos, a FDA emitiu uma advertência este ano referente ao uso de antibióticos à base de fluoroquinolonas. Isso porque existe o risco de afetar proteínas que regulam a saúde dos tecidos, podendo ser prejudicial, especialmente, aos tendões e articulações.

Aqui no Brasil, não encontramos registros oficiais atentando-se a esses riscos. Porém, nossa recomendação é conversar com o médico sobre alternativas de antibióticos mais seguros.

Informações sobre a advertência pode ser conferida aqui

 

Tenha um segundo par de tênis

Tˆwni
Há diversos estudos que defendem alternar diferentes pares de tênis para diminuir as chances de lesões. Segundo o médico Laurent Malisoux, responsável por um estudo a respeito: trocar os calçados altera o padrão de execução na corrida e promove uma variação das forças em suas pernas.

A dica é usar um  tênis com bom preenchimento interno para corridas de distância e um mais flexível e leve para treinos de velocidade.

 

Consuma alimentos ricos em ferro


O ferro tem um papel essencial no transporte de oxigênio para os músculos e seus níveis baixos podem prejudicar a capacidade de recuperação dos músculos após treinos e provas. O resultado? Uma queda na performance que atrapalha seu rendimento e seus objetivos na corrida.

Os alimentos ricos em ferro são carne vermelha magra, peixe, feijão, verduras com folhas verdes-escuras, como espinafre.  A dica é consultar um médico ao sentir-se cansado durante o treino ou se perceber uma queda repentina da performance. Um exame prévio para checar os níveis de ferro é importante para decidir pelo uso de suplementos. Outra sugestão é levar o resultado dos exames para um nutricionista que poderá criar um cardápio personalizado e de acordo com a sua rotina de treinos.

 

Hidratação

Água

Falar que é preciso fazer ingestão de líquidos parece “chover no molhado”. Mas manter-se hidratado é fundamental para o bom funcionamento do organismo. Porém, o que não parece tão óbvio para alguns atletas é a necessidade de hidratar-se antes da prática de atividade física. Para saber como se hidratar corretamente antes, durante e depois dos treinos, confira o post a seguir: 5 dicas de hidratação para corredores. Leia aqui

 

 


Experimente treinarBaixe o aplicativo #sourun e treine grátis por 2 semanas. Depois de baixar você preenche alguns dados para que um treinador te conheça e monte o seu treino de acordo com o seu objetivo e condição física atual.

apple android  

A soürun é a primeira assessoria online de corrida com treinadores reais. Aqui no blog você encontra conteúdo para te ajudar a atingir os seus objetivos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *